Quantos dias ficar no Atacama

Quantos dias ficar no Atacama

Quando começamos a programar nossa viagem para o Atacama a grande dúvida era quantos dias seriam necessários para conhecermos alguns dos seus atrativos.

Optamos por 5 dias, sendo 3 dias cheios, o que foi o suficiente. Até sobrou tempo, pois na cidade de San Pedro de Atacama mesmo não há muito o que fazer. Conseguimos fotografá-la nos momentos em que íamos a um restaurante ou aos passeios, por exemplo. E ficar sentado na praça central nos dá a sensação de que o horário volta no relógio.

Obviamente que, para fazer o cálculo de quantos dias você precisa, é necessário saber quais passeios fazer. Alguns passeios como o Salar de Tara, por exemplo, levam um dia completo e não dá para ser combinado com outros passeios. Outros deles podem ser combinados e você conseguirá fazer dois tours no mesmo dia.

Quantos dias ficar no Atacama

Nossa viagem se definiu em:

Primeiro dia

Voamos de Santiago às 10:30 e chegamos em Calama às 12:30. Pegamos o tranfer até San Pedro de Atacama e lá chegamos por volta de 14:30. Nos acomodamos no hostel e fomos conhecer o centro, comer alguma coisa e procurar a agência que fariam nossos passeios para confirmar todos os tours e fazermos os pagamentos. Aproveitamos esta noite, por estarmos descansados, para fazer o Tour Astronômico. E porque no dia seguinte poderíamos dormir um pouco mais, pois nosso segundo passeio seria apenas a tarde.

Quantos dias ficar no Atacama

Calle Caracoles, a principal de San Pedro de Atacama (Foto: Natalia Maimoni)

Segundo dia

Tivemos a manhã e o início da tarde livres. Levantamos sem pressa para aproveitar o café da manhã oferecido pelo hostel e fomos ao centro tirar uma fotos e almoçar. O passeio seria apenas às 16:00 para o Valle de la Luna. Pela longa duração do tour, pelo calor e do trekking que faz parte dessa atração, chegamos muito cansados e sujos. Portanto, optamos por levar uma pizza ao hostel e comermos por lá.

Quantos dias ficar no Atacama

Valle de la Luna (Foto: Natalia Maimoni)

Terceiro dia

Acordamos cedo para fazer o passeio às Lagunas Altiplanicas. Esse passeio se inicia por volta das 06:00. Sendo assim, é realmente importante encaixar os horários dos passeios para conseguirmos descansar um pouco. Quando iniciamos muito cedo um tour, as agências nos oferecem um café da manhã. O nosso foi um belo de um café da manhã em frente a uma bela paisagem. Às 14:00 estávamos de volta à San Pedro e já aproveitamos para fazer a visita à Laguna Cejar às 16:00. Um almoço rápido no próprio hostel e mais um passeio. O regresso foi às 21:00. O motorista da van nos deixou no centro e aproveitamos para comer algo por lá mesmo. Foi o dia mais intenso de passeios.

Quantos dias ficar no Atacama

Vulcão Meñique e Laguna Meñique (Foto: Natalia Maimoni)

Quarto dia

Foi o dia de acordar muito cedo para conhecermos os famosos Geysers del Tatio. Fomos pegos no hostel às 05:15 e seguimos pela escuridão na longa estrada que liga San Pedro aos Geysers. Chegamos por lá ainda sem a luz do dia. Esse passeio sempre será cedo assim para que consigamos pegar esse acontecimento fantástico da natureza em seu auge.

Por aquela região tomamos mais um ótimo e servido café da manhã. Como não pudemos ver a estrada na ida, a volta nos reservou belíssimas paisagens. Ainda pudemos conhecer um pequeno povoado pelo caminho tendo a opção de apreciar um espetinho de carne de lhama e uma empanada de queijo de cabra. Às 12:30 já estávamos de volta à San Pedro. Pudemos almoçar tranquilos dessa vez. Deixamos a tarde para descanso. A noite fomos curtir a feirinha do centro para comprar um chá de coca e umas lembranças para a família, tomar um pisco sour e comer uma boa pizza.

Quantos dias ficar no Atacama

Geysers del Tatio (Foto: Natalia Maimoni)

Quinto dia

Nosso voo era somente as 19:30 e tivemos o dia inteiro livre. Na verdade não havia mais muito o que fazer. Dentro do que imaginamos para os passeios escolhidos, aliados ao nosso orçamento geral, estávamos satisfeitos como nossa viagem. Tomamos o café da manhã no hostel, fomos ao centro antes do almoço e ficamos na praça central. E como as horas não passam por lá, resolvemos adiantar nosso almoço e retornar ao hostel para aguardar nosso transfer de volta ao aeroporto de Calama às 16:00. Voamos de volta à Santiago às 19:30 e chegamos a capital chilena às 21:30.

Roteiros variados

Lembramos que esse foi o roteiro da equipe BRchile. Existem tantas outras combinações de roteiros. Tudo dependerá do seu propósito de viagem e de seu orçamento. Nossa experiência serve para que cada um possa ter uma ideia de como as coisas funcionam por lá.

Mas fica como dica não reservar muito tempo para conhecer a cidade. Não há praticamente nada em San Pedro. Obviamente que, se você pretende fazer mais tours, vai precisar de mais dias.

Então pesquise bem os passeios que queira fazer e elabore um cronograma com antecedência. E lembrem-se que fazer dois passeios no mesmo dia pode ser um pouco cansativo. E que comer em um restaurante pode ser uma situação necessária.

  • CURTA AQUI NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DIÁRIAS DO SITE

2 Resultados

  1. johnny disse:

    Olá pessoal, tudo bem, estou vendo sobre viagem ao chile, e estamo com tudo já fechado, iremos fazer santiago e atacama, e olhando os posts vi que voces estiveram no atacama no mes de março, mes na qual eu ireir viajar, voce foram no inicio de marco ? eu sairei do rio a santiago no dia 05/03/18 e ficarei ate dia 08/03, ai no dia 09/03 de manhazinha eu sigo rumo a calama e fico lá ate o dia 14/03 , li outras paginas na net que marco é um tempo bom e pouquissimos falando de chuva, a maioria das paginas q vi falou que março é um mes bom, como foi o periodo q vcs foram ? no mais parabens pela pagina e estou colhendo muitas dcas legai aqui. abracos

    • BRchile disse:

      Agradecemos o elogio Johnny. Sim, o mês de março é ótimo para ir para o Atacama. Já não está aquele calor insuportável em San Pedro, só mesmo nos passeios pela manhã. A noite esfria um pouco. E San Pedro, apesar de estar cheia, tem menos turistas. Janeiro e fevereiro você não consegue curtir a cidade porque tem mais turista do que o lugar suporta. Você viaja até Calama e de Calama pega o transfer até San Pedro de Atacama. Calama é uma cidade que oferece só o aeroporto. Bom passeio e continue curtindo nosso blog. Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *